imageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimage
previous next

Equipe

A seguir descrevemos a composição de nossa equipe na ordem em que foram sendo agregados ao LABCMA, com uma pequena descrição de suas formações e aspirações.

Marcos César de Oliveira Santos


Sou formado em Biologia na Universidade de São Paulo (USP) em 1993, com pós-graduação em ecologia em nível de mestrado (1999) e doutorado (2004) pela USP. Pesquiso os cetáceos desde 1993 no Estado de São Paulo (ESP), onde desde 1995 coordeno as atividades do Projeto Atlantis. Entre 2006 e 2010 trabalhei na Universidade Estadual Paulista (UNESP) em Rio Claro, onde dei sequência aos estudos com cetáceos no ESP. Em fevereiro de 2011 passei a trabalhar no Instituto Oceanográfico da USP onde estruturei o Laboratório de Biologia da Conservação de Mamíferos Aquáticos (LABCMA). Tenho interesse em estudos voltados à biologia da conservação de baleias e golfinhos.

http://lattes.cnpq.br/6185843390683925

Laura Campos


Sou oceanógrafa formada pelo Instituto Oceanográfico (IO) da Universidade de São Paulo (USP) em 2015 e atualmente faço parte do programa de Pós-Graduação da mesma instituição. Trabalho com mamíferos marinhos desde agosto de 2013 no LABCMA. De 2013 a 2015 desenvolvi um projeto de iniciação científica visando a avaliação do hábito alimentar de pequenos cetáceos. Meu mestrado busca avaliar a ecologia trófica e uso de habitat de duas espécies de pequenos cetáceos no sul do estado de São Paulo por meio de isótopos estáveis.

http://lattes.cnpq.br/1225473906291195

Diogo Destro Barcellos


Sou biólogo (graduado e licenciado) pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2011) e Mestre em Ciências (2014) pelo Instituto Oceanográfico (IO) da Universidade de São Paulo (USP). Em 2014 ingressei no Laboratório de Biologia da Conservação de Mamíferos Aquáticos para aprender a acústica de cetáceos. Durante 2014 e começo de 2015 contribui como técnico do projeto Biota FAPESP (nº: 2011/50317-5) e em participação de cruzeiros oceanográficos de avistagens de cetáceos na costa do Estado de São Paulo. Durante os cruzeiros foram gravados o repertório emitido pelos cetáceos, construindo um catálogo de emissões acústicas, o qual vem sendo aprimorado com a continuação das atividades. Atualmente sou doutorando do IO-USP. O meu projeto de doutorado é relacionado ao Monitoramento Acústico Passivo (em língua inglesa, Passive Acoustic Monitoring) de cetáceos no canal de São Sebastião e Parque Estadual da Ilha Anchieta, ambos localizados no litoral do Estado de São Paulo.

http://lattes.cnpq.br/3720211733498851

Victor Uber Paschoalini


Faço parte do LABCMA desde 2014, participando de embarques, e após me formar em Oceanografia no Instituto Oceanográfico da USP (IOUSP) em 2017, darei inicio a meu mestrado. Minha área de pesquisa é voltada ao uso de habitat e ecologia trófica de pequenos cetáceos, por meio da aplicação de isótopos estáveis.

http://lattes.cnpq.br/4008494393982560

Beatriz Mattiuzzo


Sou aluna do Bacharelado em Oceanografia da Universidade de São Paulo, no último ano do curso. Apaixonada pelo mar em todos os seus aspectos, me interesso especialmente por cetáceos por serem engenheiros ecossistêmicos e essenciais na conversação dos oceanos. Meus trabalhos são voltados à área de bioacústica aplicada à cetaceos. 

http://lattes.cnpq.br/2675167319240144

Valéria Conversani


Sou bióloga formada pela Universidade Metodista de São Paulo com dupla titulação pela Universidade de Coimbra, Portugal. Sempre tive grande interesse em desenvolver estudos relacionados à ecologia e conservação de cetáceos. No início de 2016 entrei para a equipe do LABCMA e atualmente sou aluna de mestrado Oceanografia Biológica no Instituto Oceanográfico da USP. Meu projeto tem como objetivo estimar a idade e obter parâmetros de crescimento da toninha (Pontoporia blainvillei) e do boto-cinza (Sotalia guianensis) encontrados mortos no litoral sul de São Paulo e norte do Paraná.

http://lattes.cnpq.br/8842607645422675

Rodrigo Avelaira Barbosa


Sou biólogo formado pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) Campus Rio Claro em 2007, com mestrado (2010) e doutorado (2015) em Biologia Celular e Molecular pela mesma universidade. Possuo experiência em histologia, histoquímica e ultraestrutura celular. Desde 2015, trabalho como técnico no LABCMA analisando idade e maturidade sexual de cetáceos por meio de técnicas histológicas.

http://lattes.cnpq.br/4156698458494722

Débora Freitas da Silva


Sou formada em biologia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) - Campus Rio Claro/SP desde 2008, com mestrado pelo programa de pós-graduação em Ciências Biológicas – Zoologia da mesma universidade (2011). Em meu projeto de mestrado, analisei a biologia reprodutiva de toninhas (Pontoporia blainvillei), estimando a idade de maturidade sexual entre outros aspectos reprodutivos. Atualmente, trabalho como técnica no Laboratório de Biologia da Conservação de Mamíferos Aquáticos (LABCMA) desde outubro de 2015, analisando maturidade sexual e idade de cetáceos por meio de técnicas histológicas.

http://lattes.cnpq.br/5265957179175759

Amanda Martinelli


Bióloga formada pela Universidade de Campinas (Unicamp) em 2016, iniciei meus estudos com mamíferos marinhos em 2014 durante um intercambio, onde participei de um projeto envolvendo bioacústica de Baleias Azuis. Desde então, tenho interesse especial por bioacústica em sua totalidade. Participei de projeto de bioacústica com animais terrestres, mas o ambiente marinho continuou a me atrais mais. Faço parte do LABCMA desde 2017 como aluna de mestrado, onde desenvolvo projeto sobre Paisagens Acústicas de dois locais do litoral de São Paulo.

http://lattes.cnpq.br/4088230818704722

Colaboradores Pretéritos

Ednilson da Silva (Nanuka)


Sou biólogo formado, nascido em Cananéia onde sempre vivi. Acompanho as atividades do Projeto Atlantis desde o início. Ingressei na equipe em 2002. Auxiliei por diversos anos com as atividades realizadas em campo, nas coletas de dados com os botos pelo estuário, nas necrópsias dos animais encontrados mortos, e com o monitoramento das capturas acidentais dos cetáceos com a comunidade pesqueira. Sempre me interessei pela biologia da conservação e fiz a interface entre a academia e a comunidade local e nas atividades de pesquisas no complexo estuarino lagunar de Cananéia, Iguape e Paranaguá.

http://lattes.cnpq.br/4819353516557956

Giovanna Corrêa e Figueiredo


Sou oceanógrafa, formada pelo Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo em 2013. Desenvolvi trabalhos com mamíferos marinhos desde setembro de 2011 no LABCMA. Fiz parte do Programa de Pós-Graduação do Instituto Oceanográfico da USP. Meu projeto determinou a ocorrência e distribuição de baleias e golfinhos pela costa de São Paulo, como parte do projeto "Cruzeiros Oceanográficos - BIOTA Fapesp".

http://lattes.cnpq.br/9117557035242070

Leonardo Maia Durante


Fui estudante Oceanografia na Universidade de São Paulo (USP) e fiz parte da equipe de 2012 até 2014. Trabalhei com capturas acidentais de pequenos cetáceos, com ênfase à toninha (Pontoporia blainvillei) no litoral sul de São Paulo.

http://lattes.cnpq.br/3937490154418602

Elisa Silva Ventura


Ingressei no Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade de São Paulo em 2011. Tenho interesse no estudo de grandes mamíferos, principalmente, cetáceos. Fiz parte da equipe do LABCMA como estagiária de 2013 até 2014. Contribuí para a organização do laboratório e para curadoria do material biológico, além de ter participado das viagens de campo para coleta de material biológico e de dados fotográficos.

http://lattes.cnpq.br/1300257504083082

Sophia Frenk


Me formei em Oceanografia no Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo e, após haver trabalhado com reprodução de peixes, iniciei meu trabalho com cetáceos em 2013, entrando para o LABCMA. Em 2014 desenvolvi um projeto de iniciação cientifica no qual avaliei as relações entre algumas variáveis ambientais e o tamanho de grupos do boto-cinza, Sotalia guianensis, nas águas estuarinas de Cananéia, fazendo uso da ferramenta estatística de análise multivariada.

http://lattes.cnpq.br/7493247803847578

Aline Boutros de Mello


Sou bióloga marinha, formada pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” em 2010. Trabalho com mamíferos marinhos desde 2007 e tenho experiência nas áreas de biologia, ecologia e conservação de cetáceos. Fiz parte  do Programa de Pós-graduação em Oceanografia do Instituto Oceanográfico da USP, estimando a abundância dos botos-cinza residentes no estuário de Cananéia (SP) a partir de modelos de captura-recaptura.

http://lattes.cnpq.br/1023719291245653

Julia Molina


Sou bióloga formada pela Universidade de São Paulo (USP) e mestre em Oceanográfia Biológica pelo Instituo Oceanográfico da mesma universidade. Trabalhei previamente com estudos de observação de cetáceos pela Organisation Cetacea no Reino Unido e fui estagiária do LABCMA  responsável pela curadoria do material biológico. Meu mestrado abordou a  ecologia espacial de populações do boto-cinza, buscando compreender a distribuição espacial e ao longo do tempo de suas populações e indivíduos no estuário de Cananéia.

http://lattes.cnpq.br/9258665229133632

Julia Corradi Rabello


Sou Bacharel em Oceanografia da Universidade de São Paulo. Trabalhei com a meiofauna bentônica, e ingressei ao LABCMA em agosto de 2015, onde permaneci até 2016, envolvida em um projeto de capturas acidentais de pequenos cetáceos, com ênfase à toninha (Pontoporia blainvillei) e do boto-cinza (Sotalia guianensis) no litoral sul de São Paulo. Atualmente, atuo na área de Oceangorafia Geológica.

http://lattes.cnpq.br/8321868854934560

Estela Monteiro


Me interesso pelo comportamento animal, desde sua fisiologia, até sua interação com seres humanos. No LABCMA, trabalhei entre 2015 e 2016 analisando dados de capturas acidentais e necropsias dos últimos 5 anos da região de Cananéia. Atualmente trabalho com organismos de mar profundo, concluindo minha graduação ao fim de 2017.

http://lattes.cnpq.br/3705783375886620